Eramos felizes e não sabíamos…

Um ESTUDO SOBRE OS DIAS TRABALHADOS PARA PAGAR TRIBUTOS de 2009, feito pelo Instituto Brasileiro de Planejamento Tributário diz:
“O contribuinte brasileiro trabalha até o dia 27 de maio, somente para pagar os tributos (impostos, taxas e contribuições) exigidos pelos governos federal, estadual e municipal.
A tributação incidente sobre os rendimentos (salários, honorários, etc.) é formada principalmente pelo Imposto de Renda Pessoa Física, pela contribuição previdenciária (INSS, previdências oficiais) e pelas contribuições sindicais. Além disso, o cidadão paga a tributação sobre o consumo – já inclusa no preço dos produtos e serviços – (PIS, COFINS, ICMS, IPI, ISS, etc) e também a tributação sobre o
patrimônio (IPTU, IPVA, ITCMD, ITBI, ITR). Arca ainda com outras tributações, como taxas (limpeza pública, coleta de lixo, emissão de documentos) e contribuições (iluminação pública,…).”
Na tabela abaixo pode-se observar que hoje se trabalha o dobro do que se trabalhava na década de 70, para pagar a tributação.
Dias médios trabalhados por ano somente para pagar tributos:
– década de 70 = 76 dias ou 2 meses e 16 dias
– década de 80 = 77 dias ou 2 meses e 17 dias
– década de 90 = 102 dias ou 3 meses e 12 dias
ANO DIAS MESES
1986 82 2 meses e 22 dias
1987 74 2 meses e 14 dias
1988 73 2 meses e 13 dias
1989 81 2 meses e 21 dias
1990 109 3 meses e 19 dias
1991 90 3 meses
1992 93 3 meses e 3 dias
1993 92 3 meses e 2 dias
1994 104 3 meses e 14 dias
1995 106 3 meses e 16 dias
1996 100 3 meses e 10 dias
1997 100 3 meses e 10 dias
1998 107 3 meses e 17 dias
1999 115 3 meses e 25 dias
2000 121 4 meses e 1 dia
2001 130 4 meses e 10 dias
2002 133 4 meses e 13 dias
2003 135 4 meses e 15 dias
2004 138 4 meses e 18 dias
2005 140 4 meses e 20 dias
2006 145 4 meses e 25 dias
2007 146 4 meses e 26 dias
2008 148 4 meses e 28 dias
2009 147 4 meses e 27 dias
O trabalho na íntegra está no link: http://www.ibpt.com.br/img/_publicacao/13709/179.pdf
O trabalho, ainda compara a carga tributária no Brasil com outros países:
“Utilizando-se a mesma metodologia, os cidadãos de outros países trabalham os seguintes dias para pagar tributos:
– Suécia = 185 dias
– França = 149 dias
– Espanha = 137 dias
– EUA = 102 dias
– Argentina = 97 dias
– Chile = 92 dias
– México = 91 dias”
Uma única conclusão podemos tirar: ocupamos o 3o. lugar na arrecadação dos tributos. Se a Suécia ocupa o primeiro lugar, e os impostos SÃO REVERTIDOS EM TODA A TOTALIDADE PARA A POPULAÇÃO QUE RECEBE TODOS OS SERVIÇOS PÚBLICOS DE QUALIDADE E GRATUITAMENTE, alguma coisa esta MUITO, MAS MUITO ERRADO AQUI NESTE PAÍS.
Somos nós mesmo que não sabemos o PODER QUE TEMOS COM O VOTO E EM QUEM VOTAR.
PÃOPULISMO não deu certo em nenhum lugar do mundo, e não será aqui que vai dar certo.
Parece que estamos vivendo tempos de escravidão.
Ser ou não ser! Eis a questão?
Então, trabalhar para que?

Fontes:
http://www.ibpt.com.br/home/index.php
http://www.impostometro.com.br/

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: